Ditador da Guiné repassou R$10 milhões para a Beija Flor, através de empreiteiras investigadas pela Lava Jato.

Por 19 de fevereiro de 2015 Notícias

E tudo não passou de mais um plano mirabolante, pelo menos é o que as informações levam a crê. A polêmica por ter o desfile patrocinado pela ditadura da Guiné Equatorial, um dos carnavalescos da Beija-Flor, Fran-Sérgio Oliveira, afirma que os R$ 10 milhões recebidos para a preparação do desfile da Beija Flor, saíram de empresas brasileiras que têm obras no país africano, que estão na lista suja da Lava Jato, por tanto tem muita poeira debaixo desse tapete. Ele citou ainda, o nome das empreiteiras Queiroz Galvão e Odebrecht, envolvidas em denúncias da Operação Lava-Jato, e do grupo ARG. A equipe da GLOBO tentou entrar em contato com as empresas, mas nenhuma retornaram as ligações.

- São mais empresas, essas são as que eu sei. O governo da Guiné não nos deu dinheiro, e sim apoio cultural. Eles nos cederam livros, fotos e outros materiais. É um povo (da Guiné) que sofreu muito e que, através do seu presidente, está construindo um país novo, que pensa em saúde, infraestrutura, saneamento básico. O povo é superfeliz com isso, então não importa o regime – afirmou.

A  comitiva do presidente Teodoro Obiang , que já ostenta 35 anos no poder, pagou cerca de R$ 120 mil pelo aluguel de dois camarotes na Sapucaí, é mole.

Você pode gostar também

Enquanto você pula o carnaval, novo aumento de combustível é aprovado para todo o Brasil

Por 17 de fevereiro de 2015 Notícias

Na surdina do carnaval, o Conselho Nacional de Política Fazendária (Confaz) divulgou nova tabela de preços de referência dos combustíveis.

Decisão publicada no Diário Oficial da União do dia 10 de fevereiro, estabelece mudanças no preço médio ponderado ao consumidor final (PMPF) para os combustíveis em todos os Estados e no Distrito Federal, com validade a partir de 16 de fevereiro de 2015.

Com isso, Gasolina, Álcool e Etanol devem ficar até R$ 0,15 centavos mais caros em todo o Brasil, variando de estado para estado.

O PMPF serve como parâmetro para a cobrança do ICMS retido pela Petrobras no ato da venda dos combustíveis aos postos de gasolina. Além da gasolina, a tabela do Confaz traz os preços de referência do diesel, gás liquefeito de petróleo (GLP), querosene da aviação, etanol, gás natural veicular (GNV), gás natural industrial e óleo combustível.

Os novos valores de referência devem impactar entre R$ 0,10 e R$ 0.15 os preços da gasolina e do diesel nas bombas em todo Brasil. A medida do Confaz é assinada pelo secretário executivo do conselho, Manuel dos Anjos Marques Teixeira. Referência: ATO COTEPE/PMPF Nº 03, DE 9 DE FEVEREIRO DE 2015.

Fonte: Jornal Agora MS

Você pode gostar também

Petição online pede que o governador Flávio Dino, mude o nome da ponte José Sarney, sobre a foz do Rio Anil, em São Luís

Por 24 de janeiro de 2015 Notícias

Uma petição criada na internet, através do Instituo Avaaz, arrecada assinaturas para entregar ao então Governador do Maranhão, Flávio Dino, na intenção de mudar o nome da ponte  “Governador José Sarney” sobre o foz do rio Anil, em São Luis.

A Ponte Governador José Sarney, mais conhecida como Ponte do São Francisco, por ligar o Centro Histórico de São Luís ao bairro do São Francisco, atravessa o Rio Anil perto de sua foz. Foi construída em 1970 e possui 820m de extensão. Possui uma bela vista da cidade velha e da cidade nova, além do Rio Anil e da Baía de São Marcos. A petição  com o seguinte título “Governador Flávio Dino: Mudar o nome da Ponte José Sarney, sobre a foz do Rio Anil, em São Luís“, foi criada por Antonio N., e deverá ser entregue ao governado do Maranhão, até o momento desta publicação, a petição continha 71 assinaturas.

Porque mudar o nome da ponte?

Em cumprimento ao Decreto 30.618, de 2/1/2015, editado pelo governador Flávio Dino, que veda atribuição de nomes de pessoas vivas a bens públicos em qualquer órgão da administração direta ou indireta vinculada ao Estado do Maranhão, a Ponte José Sarney, que se eleva sobre a foz do Rio Anil, ligando os dois módulos urbanos da capital maranhense (o antigo e o moderno), deverá chamar-se Ponte São Marcos, por encontrar-se à entrada dessa belíssima distinção geográfica que tanta beleza e poesia confere à nossa encantadora cidade de São Luís.

Clica aqui para assinar a petição

Você pode gostar também

WhatsApp agora pode ser acessado pelo computador

Por 24 de janeiro de 2015 Tecnologia

O WhatsApp finalmente chega aos computadores, deixando de ser um aplicativo apenas de aparelhos móveis, agora o aplicativo pode ser utilizado através do navegador chorome em qualquer computador. A companhia anuncia ainda, que estará excluindo perfils de usuários que já usam através aplicativos terceirizados, limitando o acesso somente ao aplicativo oficial, lançado nesta ultima semana.

Para se logar no aplicativo é necessário ter a versão mais recente do WhatsApp instalada no aparelho móvel, você pode acessar a loja de aplicativos do seu aparelho e ver se já estar disponível a versão mais recente do aplicativo, e atualizar. Em seguida, entre no site e um QR Code será apresentado.

Veja como acessar o WhatsApp Pelo computador

Se o seu aplicativo estiver atualizado, pressione os três pontinhos no canto superior e entre em WhatsApp Web. Em seguida, mire a câmera do celular na tela do computador e encaixe o QR Code no espaço marcado na tela do smartphone. Se tudo for feito corretamente, o site mostrará seus contatos no WhatsApp automaticamente.

Por enquanto, o serviço só está disponível para Android, Windows Phone e BlackBerry. Segundo o TechCrunch, a versão para iPhone ainda não saiu devido a “limitações da plataforma da Apple”.

Você pode gostar também

Pai de aluno mata professor a golpes de facão por reprovar seu filho em Barrerinhas

Por 9 de janeiro de 2015 Notícias

Um crime bárbaro ocorreu no povoado de Fome, no município de Barreirinhas, na tarde desta quinta-feira (8). Um professor identificado como Cosme Rocha Lima, de 36 anos, foi assassinado com golpes de facão por um pai de um aluno da escola onde lecionava. 

O autor do crime, identificado como Francisco Diniz de Macena, teria matado após uma discussão com o professor. De acordo com informações preliminares, o crime teria sido motivado pelo fato do professor ter reprovado o filho do assassino.

O indivíduo fugiu logo após o crime e ainda não foi encontrado pelas equipes da Polícia Militar, que já realizaram rondas na região.

O homicídio foi registrado na delegacia do município de Barreirinhas. O delegado responsável pelo caso é Cristiano Morita Nocko.

http://mayconalves.com.br/

Você pode gostar também

Facebook login by WP-FB-AutoConnect